20 cidades para visitar no inverno

Gosta de viajar e conhecer lugares frios? Montamos uma seleção de cidades que você precisa conhecer no inverno. Prepare o casaco e vamos viajar

Campos do Jordão (SP)

Localizada na Serra da Mantiqueira, no interior do estado de São Paulo, a cidade de Campos do Jordão é de longe um dos mais visitados destinos brasileiros no inverno. Com uma belíssima área serrana e forte gastronomia, o município uma ótima alternativa para quem pretende comer bem e se deparar com belas paisagens

Foto: Divulgação

Gramado (RS)

Um dos municípios gaúchos mais visitados do sul do país, Gramado conta com uma programação turística especial para quem visita a cidade no inverno. Além da arquitetura inspirada no estilo alemão, pontos como o Lago Negro e o parque Mini Mundo são os grandes atrativos da cidade

Foto: Divulgação

Ushuaia (AR)

Conhecida como a “cidade no fim do mundo”, Ushuaia na Argentina conta com um clima gelado durante o ano todo. Mesmo no verão é possível subir os montes gelados e cobertos de neve que circundam a região. Com visitantes de todas as partes do planeta, a cidade conta com um forte centro comercial e gastronômico, além de uma infinidade de parques marcados pela beleza das paisagens

Foto: Divulgação

Petrópolis (RJ)

Com um clima ameno durante boa parte do ano, no inverno Petrópolis se transforma em um município aconchegante aos turistas. Fundada por Dom Pedro II em 1843, a cidade conta com vários pontos turísticos históricos, como a Casa da Ipiranga, o Palácio de Cristal e a casa de Santos Dumont

Foto: Divulgação

Monte Verde (MG)

Situado a 1554 metros de altitude, o distrito mineiro mantém o clima ameno durante o ano todo. Bucólica, a região é cercada por áreas verdes, montes e estruturas rochosas, um prato cheio aos turistas que visitam a pequena cidade. Entre os principais pontos turísticos estão o Chapéu do Bispo e a Pedra Redonda, destinos mais do que indicados para quem pretende ter uma bela visão da região de Pouso Alegre

Foto: Divulgação

Buenos Aires (AR)

Mais importante cidade da Argentina, a capital Buenos Aires esbanja cultura e pontos turísticos variados aos visitantes. O clima ameno possibilita que o turista se depare com espaços acolhedores, como a colorida região de La Boca. Com um setor hoteleiro forte, a cidade conta com espaços para as mais diversas faixas de preços e públicos, indo de diversos hotéis cinco estrelas até albergues, alternativas baratas para os inúmeros mochileiros que passam pela região

Foto: Divulgação

Canela (RS)

Conhecida por atrações turísticas como o Parque da Ferradura, a Cascata do Caracol e a Catedral de Pedra, a cidade de Canela, no Rio Grande do Sul, une belas paisagens naturais e arquitetura urbana com forte influência germânica. Junto de Gramado e Bento Gonçalves é um dos destinos mais procurados e visitados do estado gaúcho

Foto: Divulgação

Bariloche (AR)

Com um centro comercial fortíssimo e um dos destinos mais indicados para quem pretende esquiar na Argentina, a cidade de Bariloche fornece uma centena de atrativos aos visitantes. Com cerca de 130 mil habitantes, no inverno a forte presença de turistas faz esse número quase dobrar

Foto: Divulgação

Bento Gonçalves (RS)

Conhecida como a “Capital Brasileira do Vinho”, a cidade de Bento Gonçalves se destaca pelos agradáveis passeios por vinícolas e outros pontos turísticos com foco no setor agrícola. Com uma temperatura que chega aos -6° no inverno, o município oferece uma gama de hotéis e hotelarias com clima caseiro e acolhedor. A forte presença de imigrantes italianos, germânicos e poloneses acabou influenciando em boa parte da arquitetura da região

Foto: Divulgação

Cunha (SP)

Um dos poucos municípios paulistas considerados como estância climática, a cidade de Cunha no interior de São Paulo se destaca pelo toque caseiro e bucólico da região. Cercado por rios, cachoeiras e belas áreas esverdeadas, a cidade é perfeita para quem, além do clima fresco e acolhedor, busca por aventura e contato com a natureza

Foto: Divulgação

Villa La Angostura (AR)

Alternativa barata e acolhedora para quem pretende se afastar da correria de Bariloche, o município de Villa La Angostura situado na região dos lagos na Argentina é o destino mais do que indicado aos turistas que buscam pela calmaria. Um dos maiores destaques da cidadela é a arquitetura, com fortes influências alpinas e ausência total de prédios, o que contribui para o clima acolhedor da cidade

Foto: Divulgação

São Joaquim (SC)

Com pouco mais de 20 mil habitantes, o município de São Joaquim em Santa Catarina é uma das melhores escolhas para quem quer ter a chance de se deparar com neve no Brasil. Situada a 1.353 metros de altitude e influenciada pelo clima serrano, todos os anos a cidade fica lotada de visitantes que esperam pela oportunidade de ver a cidade encoberta pela neve. A região ainda se destaca pela forte produção de vinhos e frutas, principalmente maçãs

Foto: Divulgação

Lavras Novas (MG)

Com um clima caloroso durante boa parte do ano, no inverno o distrito de Lavras Novas se transforma em um destino certo para quem pretende busca por um ambiente acolhedor. Com uma arquitetura rústica, o município oferece uma gama de opções turísticas

Foto: Divulgação

Teresópolis (RJ)

Posicionada na Região Serrana do Rio de Janeiro, a cidade de Teresópolis é um destino indicado para quem busca por espaços tomados pela vegetação e o clima ameno. Com uma temperatura média anual de 16° a cidade se transforma no lugar exato para quem busca por um clima fresco, mas sem exageros. Um dos principais cartões postais da cidade é o Dedo de Deus, um pico rochoso com 1.692 metros de altitude

Foto: Divulgação

Santo Antônio do Pinhal (SP)

Situada na Região Metropolitana do Vale do Paraíba, a cidade de Santo Antônio do Pinhal é um dos 15 municípios considerados como estâncias climáticas no estado de São Paulo. Cercado pelo verde e montanhas altas, a cidade mescla lugares relaxantes com ambientes próprios para quem busca por aventura

Foto: Divulgação

Pucon (CH)

Uma das mais lindas cidades chilenas, Pucon conta com uma infinidade de atrativos para qualquer turista, seja aqueles que buscam por aventura ou apenas sossego. Além do belíssimo lago que banha a cidade, o município fica aos pés do vulcão Villarica (foto), uma imensa obra da natureza com quase 3.000 metros de altitude e de fácil acesso aos visitantes

Foto: Divulgação

São Bento do Sapucaí (SP)

Próximo de Campos do Jordão, o município de São Bento do Sapucaí é uma alternativa barata e indicada para quem pretende descansar e aproveitar o clima frio da região. Com pouco mais de 10 mil habitantes, o município é uma das poucas estâncias climáticas do país

Foto: Divulgação

Puerto Natales (CH)

Embora simplista e sem grandes atrativos turísticos, a cidade de Puerto Natales é o destino mais indicado para quem pretende se hospedar e visitar a belíssima região do Parque Nacional Torres del Paine, no Chile. Porta de entrada para a cadeia de picos congelados e lagos que circundam a região, o município oferece estadias baratas e um ambiente acolhedor, além do povo receptivo e atento aos visitantes

Foto: Divulgação

El Calafate (AR)

Pequena e aconchegante, a cidade de El Calafate é o lugar mais indicado para quem pretende visitar o belíssimo Parque Nacional dos Glaciares, região onde fica a geleira Perito Moreno (foto), um dos monumentos naturais mais belos do planeta. Com pouco mais de 5 mil habitantes, a cidade conta com forte setor hoteleiro e uma ampla área de campings, uma ótima alternativa para quem pretende passar à noite na cidade sem gastar muito

Foto: Cleber Facchi

Prudentópolis (PR)

Com mais de 100 quedas d’água registradas, a cidade Prudentópolis na região dos Campos Gerais, no Paraná conta com belíssimas paisagens e fortes atrativos para quem gosta de passeios ecológicos. Outra grande característica do município está relacionada com a forte influência da imigração polonesa, que acabou por definir parte da arquitetura do município e da região. No inverno, o clima frio é um estímulo para quem pretende provar da culinária local

Foto: Divulgação
Por Cleber Facchi
Anúncios

Marcado:, , , , , , , , ,

Um pensamento sobre “20 cidades para visitar no inverno

  1. Pedro setembro 8, 2013 às 7:55 pm Reply

    alguém me explica, por deus do céu, como é que teresópolis pode ter uma temp. média anual de 16ºC?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: